Aviação

Lufthansa deixa de vender última fileira de assentos em aeronave por questões de segurança

A Lufthansa parou de vender a última fila de assentos em seu Airbus A320neo devido a preocupações com as limitações de centro de gravidade da aeronave, de acordo com o site Air Transport World.

Segundo a publicação, este movimento ocorre depois que os pilotos da operadora receberam um memorando interno que sugeria bloquear a última fila de assentos. Trata-se de uma medida improvisada após uma diretiva de aeronavegabilidade da EASA – European Union Aviation Safety Agency.

De acordo com o texto, depois de uma série de testes, o A320neo se mostrou suscetível à fraqueza da proteção no ângulo de ataque. Sob certas condições e manobras, o compensador do software da aeronave, o elevador e o computador do elevador e aileron (ELAC) apresentaram anomalias.

A fabricante, por sua vez, atualizou o manual de voo do A320neo, após a descoberta do problema.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!