Aviação

Volta do Boeing 737 MAX é adiada pela quarta vez

A retomada em operações com o modelo 737 MAX da Boeing foi adiada pela quarta vez, conforme um anúncio feito neste domingo, 14 de julho de 2019.

O primeiro voo após a crise com dois acidentes, mortes de 346 passageiros e cancelamentos de encomendas, deverá ocorrer pela companhia americana American Airlines.

O voo poderá ser feito somente em novembro, atingindo cerca de 115 voos diários da empresa. O prazo anterior era para setembro.

A decisão da operadora foi anunciada após a Administração Federal da Aviação dos Estados Unidos – FAA ter divulgado um novo problema envolvendo o Boeing 737 Max , que deve ser resolvido até setembro.

A American Airlines continua confiante de que atualizações de software para o Boeing 737 MAX, juntamente com o novo modelo de treinamento que a Boeing está desenvolvendo em coordenação com nossos parceiros sindicais, levarão à recertificação da aeronave ainda este ano”, disse a companhia.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!