Aviação

Boeing tem a maior perda trimestral de sua história

A Boeing anunciou nesta quarta-feira, 24 de julho de 2019, uma perda líquida de US $ 2,94 bilhões no segundo trimestre. O motivo é a recente crise com o modelo 737 MAX, quando toda a frota está aterrada após dois acidentes que deixaram 346 mortos. Trata-se do maior prejuízo trimestral registrado pela empresa.

O prejuízo líquido da Boeing no trimestre é comparado com um lucro de US $ 2,20 bilhões, registrado um ano antes. As vendas caíram 35%, para US $ 15,75 bilhões e também ficou abaixo da expectativa média de US $ 18,55 bilhões.

777X

Outro comunicado foi o atraso no cronograma previsto para os primeiros voos de seu 777X. O primeiro voo deve ocorrer no início de 2020, devido a problemas com o motor da General Electric Co.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios