Ônibus

5 ações que podem melhorar o sistema de ônibus nas cidades

O sistema de ônibus é um importante pilar na mobilidade urbana das grandes cidades. Na cidade de São Paulo ele responde por 10 milhões de deslocamentos por dia, enquanto metrô e sistema de trens transportam em torno de 7 milhões.

Priorizar o transporte por ônibus significa melhorar as condições de deslocamento de milhões de pessoas, além de reduzir índices de poluição, congestionamento e acidentes.

1 – Construir faixas e corredores exclusivos: Os maiores motivos de atrasos no transporte coletivo nas cidades é o congestionamento. Em São Paulo por exemplo, a quantidade enorme de carros acaba por travar o trânsito. Os veículos particulares ocupam 80% das vias, mas transportam somente um terço de quem se desloca. Investir em faixas e corredores exclusivos é uma boa pedida para aumentar a velocidade dos ônibus;

2 – Desfazer gargalos: Existem soluções que dão prioridade para o transporte coletivo, ainda que sistemas passem por cruzamentos. Uma delas é a priorização dos semáforos para o ônibus, ou seja, o farol abre para o coletivo a medida em que ele se aproxima do equipamento. Isso ocorre por exemplo em Curitiba.

3 – Cobrar a passagem fora do veículo: Um dos conceitos de sistemas de Bus Rapid Transit – BRT é cobrar a passagem fora do veículo em estações fechadas. Isso significa que o ônibus não terá que esperar no ponto até que todos passam a catraca e em alguns casos, todas as portas podem servir como embarque e desembarque.

4 – Reorganização de linhas: Este é um tema que geralmente irrita os passageiros. Quando o órgão regulador enxuga linhas. Mas uma melhor organização é importante para manter a regularidade do transporte por ônibus, principalmente em corredores exclusivos. Claro que esta reorganização não pode ou não deveria tornar os veículos mais cheios.

5 – Melhorar informativos nos pontos e sites: É muito comum o ônibus parar para que o motorista informe algum passageiro desavisado no ponto ou parada. Melhorar as informações dos trajetos, seja em mapas, informativos, e até o uso de sites e aplicativos, ajudam a melhorar essa informação para os passageiros.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!