Monotrilho

Governador de Salvador promete extensão de monotrilho

Com planos para o início das obras em novembro, o projeto do monotrilho de Salvador, com investimento previsto em R$ 1,5 bilhão, e 20 km de extensão, já tem promessas de extensão.

O governador Rui Costa (PT) disse que deve estender o modal até o município de Simões Filho. “O início das obras do VLT está cada vez mais perto, e pelo menos 200 mil usuários por dia vão poder programar o deslocamento e ter mais tempo pra ficar com a família.”, afirma Rui Costa, que também é candidato ao governo estadual.

O meio de transporte deve ser o mesmo usado em Shenzhen, na China, com carros leves que devem circular sobre um trilho aéreo entre 3 metros a 5 metros de altura. Os trens funcionarão sem operadores.

A linha será operada por composições de quatro carros, mas a tecnologia permite o acoplamento de 8 vagões. A capacidade será entre 400 a 600 pessoas por composição. A linha deve operar com 26 trens, com um total de 104 carros. A previsão é de trens com intervalo de 10 minutos.

A empresa que deve fornecer os trens e sistemas é a Chinesa BYD, bastante conhecida pela produção de ônibus elétricos.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Publicidade

Anúncios