São Paulo

Passe-livre no Metrô, CPTM e EMTU fica para março

bilheteunicobrunosantosterra

O passe-livre estudantil dos trens do Metrô, da CPTM e nos ônibus metropolitanos deve ser implantado apenas em março. De acordo com a secretaria de transportes metropolitanos, houve um problema de comunicação entre o sistema da SPTrans – São Paulo Transporte. A STM não detalhou o problema.

O estudante deve procurar a instituição de ensino para obter o passe-livre. O limite, de acordo com a frequencia semanal às aulas, é de 48 viagens por mês. Podem ter direito ao passe livre metropolitano:

– estudantes dos ensinos fundamental e médio matriculados na rede pública;
– alunos de cursos profissionalizantes de nível técnico da rede pública;
– estudantes do ensino superior da rede pública e privada, que comprovem renda familiar per capita de até 1,5 salário mínimo nacional – R$ 1.182;
– estudantes do Centro Paula Souza e Etecs; – estudantes das Fatecs, que comprovem renda familiar per capita até 1,5 salário mínimo;
– bolsistas do Prouni (Programa Universidade para Todos); – financiados pelo Fies (Fundo de Financiamento Estudantil);
– integrantes do Programa Bolsa Universidade (Programa Escola da Família);
– atendidos por programas governamentais de cotas sociais e raciais.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios