SPTrans

São Paulo renovou 80% de ônibus desde 2005, mas coletivos ainda não têm prioridade no trânsito

Os números são da Secretaria Municipal de Transportes e da SPTrans. No total, 12.037 novos veículos foram incluídos entre janeiro de 2005 e dezembro de 2011. Segundo dados, entre 2009 e 2011, 4.534 veículos novos foram entregues à população, o que corresponde a 30% de toda a frota, atingindo a meta da Agenda 2012, que previa a substituição de 25% dos ônibus da Cidade entre 2009 e 2012, ou aproximadamente 3.700 veículos.

A renovação da frota também aumentou o número de ônibus acessíveis disponíveis à população com mobilidade reduzida. Em janeiro de 2005, eram 297 veículos com algum tipo de acessibilidade, enquanto atualmente são 7.490, o que corresponde a 49,9% do total e um acréscimo de 2.421% no período.

Segundo ainda a SPTrans, apesar de a meta para 2012 já ter sido atingida, a renovação da frota continuará sendo realizada durante o ano, aumentando ainda mais o número de ônibus acessíveis na Cidade, já que desde 2009 todo veículo novo incluído no sistema deve conter algum tipo de acessibilidade, seja com rampa ou elevadores. É esperado também para 2012 pelo menos 78 novos trólebus.

Ônibus ainda não é prioridade

Segundo a empresa, os modelos mais modernos de ônibus também são maiores, aumentando a capacidade de transporte do sistema e o conforto dos passageiros. A substituição dos veículos, aliada ao programa de reorganização de linhas que a SPTrans vem implantando na Cidade, diminui o número de linhas sobrepostas nos grandes corredores, sem perda de qualidade aos usuários e melhorando a operação de todo o sistema viário da capital. Entre janeiro de 2009 e dezembro de 2011, o acréscimo na oferta de lugares foi de 5%, enquanto o número de passageiros transportados avançou 3% no mesmo período. Claro que ainda o ônibus não é tratado como prioridade no caótico trânsito de São Paulo. A Atual gestão deixou de construir os prometidos corredores para os coletivos, ou seja: Ônibus velho ou novo fica preso no trânsito com os milhares de carros.

Por Renato Lobo, com as informações de SPtrans

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios