CPTM projeta ligação sobre trilhos entre Guarulhos e ABC

São Paulo – 20h20

Guarulhos e Santo André serão ligados por uma nova linha metroferroviária, a chamada 14-Ônix, que apesar de estar sendo tocada pela Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM, não será servida por trens urbanos. No ano de 2012 falava-se que um Veículo Leve Sobre Trilhos – VLT atenderia os usuários, e tempos depois surgiu a notícia de que o modal escolhido seria um monotrilho. O Via Trolebus apurou que não foi batido o martelo sobre a tecnologia usada para a ligação, e estuda-se que na região de Guarulhos, a nova linha deve chegar nas proximidades do Aeroporto. Sabe-se ainda que a linha está em fase de projeto funcional.

CPTM VS EMTU

Ao mesmo tempo que a CPTM planeja a nova linha, a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos – EMTU prevê um corredor de ônibus entre São Mateus e Guarulhos que, integrando com o corredor de trólebus do ABC, atenderia as mesmas pontas da futura Linha 14-Ônix. No entanto, cada ligação deve percorrer um trajeto distinto, atendendo a polos diferentes, e as quantidades de paradas de um corredor de ônibus é maior que uma linha de média capacidade metroferroviária, o que pode significar tipos de deslocamentos diferentes.

O novo corredor já deveria ter tido as obras iniciadas, segundo promessas do governo estadual, mas ainda está na fase de projeto executivo, que é o primeiro passo para as construções saírem do papel.

Ambos os projetos não possuem data definida para início das operações.


Autor: Renato Lobo

Ler todos os posts

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

10 Comentários deste post

  1. Um metro padrao paulista(6 vagoes) poderia dar conta??

    Fabiano /
    • Fabiano, ao meu ver e pela matéria, o problema seria justamente o metrô convencional de 6 vagões ser exagerado e com baixíssimo custo-benefício, pois operaria bem abaixo da capacidade máxima do modal. Se eles cogitaram VLT e Monotrilho, significa que a demanda que eles estão projetando é praticamente a metade de uma linha de metrô normal, se não menos…

  2. essa p** não vai sair nunca….todos os governadores esquecem do ABC.

    Vitor Pereira Gabriel /
  3. acho que é birra com o cachaceiro de São Bernardo kkkkkkk

    Vitor Pereira Gabriel /
  4. Pelo amor dos paulistas, a CPTM não entregou a ligação direta entre Guarulhos e Brás neste mês como prometido (algo que deveria ter sido feito simultaneamente ao todo) e agora fala sobre um monotrilho exatamente no mesmo trajeto onde a mais de 6 anos atrás prometeram um BRT (algo muito mais simples de se fazer)? Quando eu dor secretário dos transportes, ai sim vocês poderão confiar!

    Wellington Silva /
  5. Pesquisei brevemente o trajeto, e sinceramente esse ai vai demorar muito para sair.
    Na região da Sapopemba por exemplo, é densamente povoada com habitações que vão de casas normais, casas irregulares, escolas, e sem contar a geografia que é muito irregular.

    Tiago Gimenes /
  6. Não conseguiu fazer o trecho de Grajaú a varginha e quer fazer uma ligação longa dessa?
    Nunca!

    tiago /
  7. Tem que ser metrô pesado normal. Chega desses sistemas fakes.

    • Não tem demanda para metrô, mas sim para média capacidade (BRT, VLT, monotrilho).

    • Metro ou CPTM pesado deveria ser da Estação Engenheiro Goulart via Marginal Tietê até a Estação Ceasa da Linha 9.Assim que inaugurar o Rodoanel Norte deveriam utilizarem uma pista da Marginal Tietê de cada lado do Rio para fazer essa Linha, ligaria Estação Metrô Linha 1 azul Rodoviaria Tiete, Estação Casa Verde, Ligaria Linha 6 Laranja, Linha 7 Rubi, Linha 8 Diamante e Linha 9.

Deixe uma resposta