Prefeitura de SP retira R$ 874 milhões de verba para corredores

O jornal Folha de São Paulo publicou nesta quarta, 13, reportagem que mostra que a Prefeitura de São Paulo já cortou, desde o início da gestão Doria/Covas, R$ 874 milhões de verba que seriam utilizados para ampliação e criação de novos corredores de ônibus na cidade.

A última transferência foi feita esta semana, que moveu R$ 12 milhões para reforma e readequação do Autódromo de Interlagos. Vale ressaltar que a gestão municipal pretende passar o espaço para a iniciativa privada.

O orçamento deste ano para a criação e expansão dos corredores era R$ 542 milhões porém, com todas as reduções que já ocorreram, agora está em R$ 220 milhões.

Este ano a Prefeitura só gastou R$ 5 milhões em construção de novos corredores e R$ 17 milhões em reforma ou ampliação dos já existentes.

A atual gestão tem como promessa a construção de 72 km de novos corredores até 2020.


Autor: Caio Lobo

Ler todos os posts

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

10 Comentários deste post

  1. Se não privatizarem logo para ampliar os corredores, é certo que será pífio o resultado de mobilidade na gestão Doria/Covas. Até agora nenhuma novidade positiva. Andando a passos de tartaruga.

    Josh / Responder
    • Não vai mudar nada, apenas ficar de igual a pior. Gestão do PSDB é assim. 8 anos que estiveram na prefeitura, o que melhorou no sistema de onibus?

      Renato / (em resposta a Josh) Responder
  2. Bem feito, PSDB não tem politica publica, só pensa em privatizar e satisfazer o lucro de seus amigos empresários e mais nada.

    Tanto é que só em SP que ainda conseguem algo, pois em outros estados, principalmente do norte e nordeste, não tem chance alguma.

    Renato / Responder
  3. Interessante que o pessoal criticava o Haddad por pintar faixas de corredores de ônibus …. agora nem pintar essa turma faz, só como disse o amigo Renato … enchendo o bolso dos empresários de dinheiro e o povo que se dane.

    Valmir / Responder
  4. Ainda tem alguns analfabetos aqui em SP, que tem coragem de votar nesse dória. É o pior elemento que disse que era prefeito desta cidade. Culpa desse povo, que diz saber votar!!

    Joel / Responder
  5. ALGUÉM DEVE ESTAR DESVIANDO VALORES PELOS BASTIDORES!!!
    O TEMPO DIRÁ… AGUARDEM

    Santos / Responder
  6. Já fazem isso faz tempo, corredor deveria ficar pra inciativa privada, vergonha.

    Rodrigo Santos / Responder
  7. Tem que parabenizar a periferia que elegeu a gestão Dória/Covas. Se não tivessem ido na conversa dos patrões que moram nos Jardins, quem sabe a situação estaria diferente. Será que aprenderam, ou vão se esquecer daqui 2 anos?

    jhonatan / Responder
    • Eu cheguei a conclusão que em SP, quem e mais pobre, não esta nem votando, ou vota nulo e branco, ou vota em qualquer um, isso quando não vai e paga multa, a periferia esta desorientada faz tempo, problemas como desemprego, roubos, violência, mortes, tudo isso faz as pessoas desacreditarem da politica, eu vejo isso ao meu redor, o povo se importa mais com futebol do que em votar, e a triste realidade, já vi pessoas que não sabem nem quem administra o Metro de SP, ira piorar cada vez mais, e os pilantras continuarão a ser elegidos.

  8. sejamos francos tem coisa mais importante como o sertor de privatizações ….
    https://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/doria-remaneja-r-30-milhoes-de-verba-de-enchente-e-terminais-de-onibus-para-usar-em-consultoria.ghtml

    to esperando aquele que dizia que sao paulo era multi bilionaria e poderia ajudar no monotrilho, metro, etc …. ate agora so vejo dinheiro indo pelo ralo

    Alexandre i / Responder

Deixe uma resposta para Josh Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*