Prefeitura de SP retira R$ 874 milhões de verba para corredores

O jornal Folha de São Paulo publicou nesta quarta, 13, reportagem que mostra que a Prefeitura de São Paulo já cortou, desde o início da gestão Doria/Covas, R$ 874 milhões de verba que seriam utilizados para ampliação e criação de novos corredores de ônibus na cidade.

A última transferência foi feita esta semana, que moveu R$ 12 milhões para reforma e readequação do Autódromo de Interlagos. Vale ressaltar que a gestão municipal pretende passar o espaço para a iniciativa privada.

O orçamento deste ano para a criação e expansão dos corredores era R$ 542 milhões porém, com todas as reduções que já ocorreram, agora está em R$ 220 milhões.

Este ano a Prefeitura só gastou R$ 5 milhões em construção de novos corredores e R$ 17 milhões em reforma ou ampliação dos já existentes.

A atual gestão tem como promessa a construção de 72 km de novos corredores até 2020.


Autor: Caio Lobo

Ler todos os posts

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.