Novas placas, do padrão Mercosul, começam a ser adotadas em setembro no Brasil

Depois de 2 adiamentos, fnalmente o Brasil começará a emplacar seus veículos automotores com as novas placas do padrão para os países do Mercosul.

No primeiro momento, em setembro, os novos veículos já saem emplacados com o novo padrão. Os veículos usados terão até 2023 para mudar.

A nova placa vai ter uma tarja azul, bandeira do Brasil e outra configuração de letras e números. Além disso, contará com um chip e um código para facilitar a identificação dos veículos roubados ou clonados nos países do Mercosul.

Argentina e Uruguai já adotam o modelo que é semelhante ao dos países da União Europeia.

(Foto: Divulgação/Rodrigo Nunes/Ministério das Cidades)


Autor: Caio Lobo

Ler todos os posts

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

8 Comentários deste post

  1. Bacana, achei que tinham desistido, só faltam carros com preços justos de acordo com o salário daqui, e carros mais seguros iguais os que são exportados pro México por exemplo.

    Rodrigo Santos / Responder
  2. São passos gradativos para unificação dos povos.Evolução natural.

    Felix / Responder
  3. Muito positivo, a nova placa irá dificultar crimes como furto e roubo(carros serão localizados mais facilmente), fraude de adulteração de placas. Como tem chip, não vai adiantar tampar a placa para não ser multado, inclusive esse chip talvez dispense o adesivo de serivços como o Sem Parar. Essa última vantagem, se funcionar assim, vai permitir a cobrança de pedágio por quilômetro rodado.

    Anderson / Responder
  4. Muito bom

    Matthy / Responder
  5. Bonita a placa. Quanto será que vai custar para quem já tem carro?

    Josh / Responder
  6. A Alliance Considerada Herdeira da Extinta Maxibus Vai Nascer Com 100% das Placas Veiculares do Mercosul

    Michell / Responder
  7. E A ALLIANCE VAI FABRICAR VEÍCULOS FABRICADOS PELA EXTINTA MAXIBUS COMO POR EXEMPLO: O MICRO-ÔNIBUS ASTOR E TAMBÉM O URBANO DOLPHIN NOS MODELOS: PRINCIPAL, MICRÃO, ARTICULADO, BIARTICULADO CUJA MESMA COISA VAI VALER PARA O MODELO BRT ALÉM DO SUPER ARTICULADO

    Michell / Responder
  8. Uma duvida essa mudança de placa nacional do mercosul e facilitaria dos brasileiros que pode compra carros importados mais baratos no exterior em países da america do sul.

    Claudio / Responder

Deixe uma resposta para Felix Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*