Alckmin diz que Linha 18 não é prioridade no momento

Ainda sem conseguir verba para realizar as desapropriações do projeto, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) disse na terça-feira (27), em visita ao ABC, que a linha 18-Bronze do Metrô, que ligaria Santo André, São Bernardo e São Caetano à capital por meio de monotrilho, não é hoje uma das prioridades do governo estadual no setor de transportes metropolitanos.

“É uma questão estritamente financeira porque não conseguimos recurso federal e dependemos de verba para poder tocar. O que estamos priorizando neste momento são as entregas”, disse Alckmin, citando inaugurações previstas para este ano, como da nova linha 13-Jade da CPTM, que vai ligar a capital ao aeroporto de Guarulhos, e estações da linha 15-Prata, 4-Amarela e 5-Lilás do Metrô.

Em agosto de 2014, o Estado assinou a PPP com o consórcio vencedor da licitação para construção e operação da linha 18-Bronze. Na ocasião, Alckmin afirmou que as obras seriam iniciadas em 90 dias e seria entregue até 2018. Desde então, o  que trava o início das obras é a dificuldade do governo para obter R$ 406,9 milhões em crédito para a realização das desapropriações previstas no projeto.

Fonte: Jornal Metro


Autor: Caio Lobo

Ler todos os posts

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

15 Comentários deste post

  1. A prioridade no momento (pelo menos pro Alckmin) é virar presidente

    Gapre /
  2. Eu infelizmente me sinto obrigado a concordar com o chuchu palestrinha… Já diria o ditado: Melhor um pássaro na mão do que dois voando…
    Melhor 5 estações prontas do que 30 em obras…

    Francis /
    • Sempre achei melhor fazer uma linha por vez. Aposto que já teriam saído mais estações se fizessem cada linha por vez do que tentando abraçar o mundo com as pernas botando 4 linhas de metrô e 2 da CPTM em obras tudo junto. Se bem que, em se tratando de PSDB, acho que nem assim sairia, rs

    • Concordo com você, neste caso o governador não está sendo negligente, simplesmente não há o recurso que estava sendo esperado.

      Davi Secomandi / (em resposta a Francis)
  3. Não tem dinheiro pq a Dilma e o PT fuuuuu com o país.

    Renato /
    • Conversa fiada. Em 2004, usou o mesmo argumento para não expandir a linha 9 até Grajaú….e o presidente até 2003 era o FHC do mesmo partido do Alckmin.

      Você é só mais um da massa de manobra da globo que acredita em tudo, tucano é santo, não faz nada, só o PT é o vilão.

      O desemprego na epoca do Lula foi o menor do país: 5,7%. Agora esta em quase 18% por causa da Dilma e do temer do PMDB que não resolveu a lambança e ainda piorou mais ainda.

      Um presidente com aprovação de 3% o que vai esperar?

      A Lava jato está ai para mostrar que não tem santo na história. Quem manda é o congresso nacional, o presidente apenas assina papel, o congresso tem poder de derrubar decretos, leis ,vetos a favor ou contra do presidente.

      E quem é que forma o congresso mesmo? Todos os partidos.

  4. Foi gasto algum valor?Só isso que eu gostaria de saber. Porque dizer que as obras não começaram por falta de dinheiro, é difícil acreditar, sempre algo é gasto e se sim, como fica?

    Juarez Costa /
  5. Tanto faz, tem tanta coisa atrasada, safado.

  6. O governo do Alckmin é a seguinte: colocar muitas obras em ação, embargar, recomeçar, parar novamente. Para no ultimo ano, perto das eleições, colocar tudo e todos a vapor para ficar prontas e ele inaugurar. É simples e fácil. Por que ele faz isso? Para entrar na mídia e, as pessoas que necessitam desta obra, olhar para ele como santo e excelente “gestor”. Uhum, estamos vendo um da mesma laia, que é o prefake desta cidade fazendo a mesma coisa. To fora de PSDB, PT, MDB. #RenovaTudo

    Thommy /
  7. Concordo em acabar primeiro as obras faltantes no entanto acho que os estudos e projeto executivo já podem ser iniciados ( não sei se está linha 18 chegou nesta fase) assim evita o problema do monotrilho ouro onde o que se sabe é que não havia projeto executivo !

    Vinicius /

Deixe uma resposta