Metrô comenta sobre chegada da Linha 17 a Diadema

Com as obras em rimo lento, a construção da linha 17 – ouro, do Metrô, ainda está em obras na primeira fase, que liga a estação Morumbi, da CPTM, ao Aeroporto de Congonhas. No projeto, ainda haverá mais 2 fases, expandindo ambas as pontas. Uma chegando até a estação São Paulo – Morumbi, da linha 4 –amarela, e a outra chegando a estação Jabaquara, da linha 1 – azul.

 

Se provavelmente não veremos as outras 2 fases em obras tão vedo, quem dirá uma quarta.

 

Reportagem do “Repórter Diário” questionou o diretor de Engenharia e Construções do Metrô, Paulo Meca, sobre a chegada da linha 17 a Diadema em uma possível quarta fase.

 

“Não tem nenhum estudo nesse momento para sequência da Linha 17 até Diadema. A gente já tem uma boa extensão para cuidar ainda. Se no futuro efetivamente o ramal atingir para onde está programado, quem sabe poderemos discutir essa extensão”, pontuou.

 

O artigo lembra que, na campanha de 2014, a então candidate a deputada estadual, Regina Gonçalves, prometeu em campanha o metrô até Diadema. “É realidade! Diadema terá Metrô!” foi uma das frases usadas em imagens nas redes sociais da verde. A proposta de extensão da Linha 17 também esteve presente em banners e cavaletes na ocasião.

 

Fonte: Repórter Diário


Autor: Caio Lobo

Ler todos os posts

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

11 Comentários deste post

  1. Acho melhor não prometer o que não pode cumprir. Mas se chegar, vai ser ótimo.

    Arthur Lira / Responder
  2. Não sei porque mas algo me diz que é melhor
    Mandar a linha azul para diadema apesar da situação da linha azul não ser a melhor do mundo

    Fabiano / Responder
    • Sou contra também, monotrilho no corredor da Cupece ou Jabaquara-Diadema inviável. Sou mais fazer um VLT no corredor até São Mateus, pois não são poluentes, tomaria apenas um corredor dos terminais (dando espaço para mais ônibus dentro deles), já tem todo o material, só falta os trilhos e traçaria conversões e retornos estratégicos para dar mais fluidez aos trens e fazer com que mais gente deixasse o carro em casa.

      Thommy / (em resposta a Fabiano) Responder
  3. O que esses políticos não prometem para serem eleitos? Eleitos e ganhando o dinheirinho que eles ganham e ainda quererem mais, porque acham que o que ganham é pouco, está ótimo, não precisam fazer mais nada. Só em época de eleições que lembram de seus municípios para se reelegerem!

    Thommy / Responder
  4. Chegada em Diadema, ou possível(impossível)? Estamos todos muito idiotas
    A gente não aprende mesmo, e não temos memória. Como somos idiotas mesmo!!

    Joel / Responder
  5. Assim como no Jaçana… é melhor Puxar a Linha Azul pra Diadema do que o Monotrilho… Pois… pra Ele Subir de Jardim Aeroporto até Jabaquara(sim, olhem a trajetória) e Descer denovo pra Diadema, é muito complicado, é como a Linha 4 Descer pro Butantã e Subir pro Ceasa, Complicado e Desnecessauro … Ja tem varios estudos(Maioria só Hipóteses) das Linhas 17 (incluindo uma que vai de São Judas até Sacomã, e de SP Morumbi até Politécnica.. Sonhando alto eu sei) ou da linha 4(Luz – Pari), ou 5(Capão R. – Jd. Angela / Chacara K. >> Breseer-Mooca), Linha 6 (Brasilandia – Vila Clarice[esse precisa] / S.Joaquim > Cidade Líder[Eita]) – Linha 3 (Barra Funda – Pompeia – Lapa) entre outras, Muitas Hipóteses como VLT na Raposo Tavares, Trem no Taboão da Serra, e por aí vai … Indo Além da Realidade… Propostas Bonitas(algumas), e ainda sonho com essas possibilidades…

    Mas nesse mundo… nesse governo… *Puff* a Realidade diz que não vou viver pra ver metade dessas obras sequer sair do Papel… é uma Pena

    Mêtoxi / Responder
  6. Cada site tem o Paulo Gil que merece…

    Anonimato / Responder
  7. Eu seria mais a favor do monotrilho ir até lá do que o metrô pelo seguinte: o trajeto, não sei se vcs viram, seria a linha 17 indo até o Centro de Convenções Imigrantes e depois seguindo pela Imigrantes, onde seria muito mais fácil de fazer o monotrilho do que pela Engenheiro Armando de Arruda Pereira, onde já existe o saturado corredor Metra e as linhas da SPTrans (que, por mim, deveriam utilizar o corredor Metra também igual a Cupecê). Depois pegaria aquele pedacinho da avendia Conceição até o terminal Diadema. Fora que a linha 1 já tá bem saturada, não a aumentaria mais não.

    Mas, óbvio, isso NUNCA será feito, ainda mais com o PSDB governando.

    Gapre / Responder
  8. Quando entregar alguma coisa, ai sim pensem nisso.

    Rodrigo Santos / Responder
  9. Enquanto São Paulo continuar recebendo do governo federal apenas 8% do que arrecada vai ficar difícil tocar mais linhas. Ainda assim, várias linhas estão em construção tocadas exclusivamente pelo governo do estado. De que adianta um governo acelerar as obras de metrô como fizeram Quércia e Fleury no final dos 80 e começo dos 90, se depois quebraram o banco do estado (BANESPA)? O pior de tudo foi a crise econômica gerada pela quadrilha petista, que afundou a economia do país e a queda de arrecadação desacelerou muitas obras, pois dependem da economia do estado. Ainda sim, São Paulo tem mostra capacidade financeira de investimento em transporte, diferente da penúria econômica do restante do país onde mal se pagam salários do funcionalismo e várias obras de infraestrutura estão abandonadas. O justo seria a região metropolitana receber do governo federal ao menos 70% da verba destinada ao transporte de trilhos em todo o país, pois este é o percentual de passageiros transportados na RMSP, em relação ao país todo. Mas isto é um sonho hoje em dia, pois o presidente Temer, resto da quadrilha anterior, anda mais preocupado em comprar parlamentares.

    Ed / Responder
  10. É Melhor a Linha 1 Azul Com Operação Térrea Para Diadema e São Bernardo do Campo, Ambas no ABC Depois da Partida no Tremembé, na Zona Norte da Capital Paulista, Assim a Linha 17 Ouro Operada em Monotrilho Vai Ligar da Conexão Ipiranga/Vila Prudente, Com Integração Para Outras Linhas em Monotrilho no Caso: 15 Prata Até Macedo, em Guarulhos e 18 Bronze Até Ferrazópolis em São Bernardo do Campo Com Extensão Até Quintaúna, em Osasco

    Michell / Responder

Deixe uma resposta para Mêtoxi Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*