Confira a programação do “Maio Amarelo” da Prefeitura de São Paulo

A Prefeitura de São Paulo lançou nesta terça, 2, o programa “Maio Amarelo” que consiste em prevenir acidentes de trânsito. Alguns monumentos e pontos turísticos da cidade estarão iluminados de amarelo durante o mês de maio.

 

No dia 31, ultimo dia do mês, será o “Dia D”, que será um desafio proposto pela Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes para terminar o dia sem acidentes com vítimas.

 

Veja abaixo toda a programação para o mês inteiro.

 

Pedestres – 2 a 6 de maio
O destaque na primeira semana serão os pedestres e as ações voltadas para tornar as ruas mais seguras para quem anda a pé. Serão feitas campanhas nos cruzamentos para orientar o pedestre sobre a leitura correta dos semáforos.

Haverá uma operação piloto em 15 cruzamentos da cidade para conscientizar o pedestre que não é preciso correr para atravessar quando o semáforo estiver no piscante. As escolas municipais e CEUs (Centros Educacionais Unificados), em parceria com a Secretaria Municipal da Educação, vão fazer ações para informar os alunos e suas famílias sobre segurança no trânsito.

Ciclistas– 7 a 13 de maio
Durante a segunda semana do Maio Amarelo estão programadas várias atividades para os ciclistas, entre elas um passeio ciclístico pelas ruas do centro com o secretário Sérgio Avelleda. Além disso, está agendada uma caravana onde os táxis pretos vão ganhar racks para bicicletas no Ibirapuera justamente para mostrar e incentivar a convivência entre os modais.Também haverá um centro itinerante de apoio aos ciclistas nos principais parques da cidade, onde será possível fazer pequenos reparos nas bicicletas. No shopping Eldorado, também será montada uma pista para as bikes voltada para que as crianças.

Motociclistas e motofretistas – 14 a 20 de maio
No shopping Eldorado, será montado um circuito de motos para que os motociclistas possam receber um treinamento gratuito e mais informações sobre como trafegar com segurança pelas ruas da cidade. Na marginal também haverá um ponto para que os motociclistas possam fazer uma avaliação geral de suas motos.

Veículos de passeio – 21 a 27 de maio
Uma das ações feitas durante essa semana será sobre o uso consciente das vagas especiais, que são voltadas para pessoas com deficiências, idosos e  gestantes. Também estão programadas várias apresentações de teatro e distribuição de materiais educativos para os condutores.

Veículos coletivos e de carga – 28 a 31 de maio
Os motoristas de ônibus e ciclistas terão a oportunidade de trocar de papel no trânsito. O ciclista vai subir em um ônibus para ver o ponto cego que o condutor encontra, enquanto este vai pedalar para sentir como é dividir as ruas com os veículos mais pesados.


Autor: Caio Lobo

Ler todos os posts

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

6 Comentários deste post

  1. Podia estar na programação a redução das velocidades das marginais e outras vias, mas pera.. Aumentar o risco de acidentes de trânsito nas marginais foi promessa de campanha né!? Então esquece..

    O.Juliano / Responder
    • E o aumento de acidentes e mortes, vamos botar na conta de quem ? O mundo se volta a diminuir a mortandade no trânsito e aqui a prefeitura dá vários passos pra trás.

  2. A iniciativa de colocar um ciclista no ônibus é válida, pois muitas vezes eles acham que são de propósito quando um ônibus ou caminhão fecha ou até mesmo atropela uma bicicleta,o contrário do motorista na bicicleta tbm é válido, mas muitos motoristas tbm andam de bicicletas já sabem como é .

    Mauri / Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*