Ministério Público irá investigar as obras paradas da Estação Gávea

As obras da sétima estação da linha 4 do Metrô Rio estão paradas desde o ano passado. A promessa era entregá-la este ano porém ,com crise no Estado do Rio de Janeiro, já não há mais prazo. Diante desta situação, o Ministério Público do Estado abriu investigação para apurar a possível má administração dos recursos públicos.

 

Entre os assuntos que estão sendo investigados estão os custos de manutenção do chamado tatuzão da obra. Os envolvidos têm o prazo de 10 dias para esclarecer ao MPRJ diversos aspectos sobre paralisação da obra.

 

O MPRJ vai investigar o motivo pelo qual as obras não foram entregues nas datas previstas, as razões do atraso e a responsabilidade sobre os custos de manutenção da obra e dos equipamentos paralisados.

 

A obra da estação Gávea foi paralisada com 42% de andamento.


Autor: Caio Lobo

Ler todos os posts

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

2 Comentários deste post

  1. Sem dinheiro, não adianta, as obras ficarão paralisadas mesmo por muito tempo, mas que haja punição por causa da péssima gestão e roubalheira!

    Celso Jorge Aguiar Amaro / Responder
  2. Certíssimo. Precisam fazer o mesmo em SP

    Gapre / Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*