Fotos mostram plataforma da Estação Aeroporto, na Linha 13

Com as construções iniciadas em 2013, e com a promessa de entregar ao menos obras físicas neste ano, a Linha 13-Jade da CPTM segue sendo erguida em seus 12,2 quilômetros de extensão, se​​ndo 4,3 km em superfície e outros 7,9 km em elevado.

A CPTM trabalha com a possibilidade de entregar a nova ferrovia aos passageiros em 2018. Esta em processo de compra de 8 novos trens, cujo o consórcio formado pela empresa chinesa Sifang e a brasileira Temoinsa, ganharam a licitação. A entrega do material rodante, no entanto, deve chegar apenas em 2019. Mas, se a companhia concluir as obras antes deste prazo, pode usar outras frotas no trecho.

O Via Trolebus mostra agora fotos gentilmente cedidas por Marcio Saviano, que esteve recentemente nas obras, e mostra ângulos diferentes:

Estação Engenheiro Goulart

Estação Engenheiro Goulart | Foto: Marcio Saviano

Estação Engenheiro Goulart, e a instalação da cobertura em fase final

Estação Engenheiro Goulart, e a instalação da cobertura em fase final | Foto: Marcio Saviano

Acesso a Estação Engenheiro Goulart

Acesso a Estação Engenheiro Goulart | Foto: Marcio Saviano

Estação Engenheiro Goulart no mesmo pavimento das linhas de bloqueios

Estação Engenheiro Goulart no mesmo pavimento das linhas de bloqueios | Foto: Marcio Saviano

Primeiras escadas rolantes a serem instaladas na Estação Engenheiro Goulart

Primeiras escadas rolantes a serem instaladas na Estação Engenheiro Goulart | Foto: Marcio Saviano

Elevado que deve atravessar a Rodovia Presidente Dutra.

Elevado que deve atravessar a Rodovia Presidente Dutra | Foto: Marcio Saviano

Estação Aeroporto

Estação Aeroporto | Foto: Marcio Saviano

Vista da plataforma da Estação Aeroporto na conexão com o Aeroporto

Vista da plataforma da Estação Aeroporto na conexão com o Aeroporto | Foto: Marcio Saviano

Vista da cabeceira da pista do Aeroporto de Guarulhos

Vista da cabeceira da pista do Aeroporto de Guarulhos | Foto: Marcio Saviano

Vista da plataforma da estação Aeroporto sentido estação Cecap

Vista da plataforma da estação Aeroporto sentido estação Cecap | Foto: Marcio Saviano

Plataforma da estação Aeroporto

Plataforma da estação Aeroporto | Foto: Marcio Saviano

Mais fotos podem ser acessadas neste link


Autor: Renato Lobo

Ler todos os posts

Paulistano, Técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

20 Comentários deste post

  1. Legal, vamos ver o ano que vem, se alguma coisa sai dai.

    Rodrigo Santos / Responder
  2. o mais estranho desta linha é que a estação do aeroporto fica longe do aeroporto…
    ai tem que ir andando pelo acostamento até o aeroporto?

    Vítor P. Gabriel / Responder
    • Não Vitor, a Concessionária do Aeroporto se comproneteu em colocar ônibus até eles construirem o monotrilho que prometeram.

      Felix / (em resposta a Vítor P. Gabriel) Responder
      • Por essas e outras que a linha 13 a meu ver deveria ser logo monotrilho (será curta e terá demanda menor) e a 15 deveria ser CPTM (é longa, a princípio irá até os confins da zona leste e terá muita demanda)

        Gapre / (em resposta a Felix) Responder
        • Até hoje o GOVERNO DO ESTADO nao consegue terminar os outros dois monotrilhos, voce ainda queria que essa linha fosse monotrilho??? E outra, essa linha tinha que sair da Luz e não de Engenheiro Goulart, já imaginou em horario de pico, alguém pegar a linha 2 na Sé ou a linha 11 na Luz, para descer no Bras, pegar a congestionada Linha 12, para descer em Engenheiro Goulart e pegar a Linha 13? Genio essa pessoa que inventou o traçado da Linha 13….bela porcaria que estão fazendo.

          Luiz / (em resposta a Gapre) Responder
          • Luiz, se vc é leitor assíduo do viatrolebus, sabe que eu sou um dos críticos mais ferrenhos contra essas safadezas que são os prazos não cumpridos do pilantra inútil do governador vitalício.

            Concordo plenamente com as suas críticas. Eu só imagino que, se é pra linha 13 sair da Eng. Goulart e ir até as proximidades de Cumbica (nem pro aeroporto de fato vai chegar), não justifica ela ser uma linha de trem, poderia ser apenas um monotrilho, mesmo indo até Bonsucesso depois. E a linha 15 que deveria ser cptm, pois ela será bastante demandada.

            Mas concordo plenamente, a linha 13 deveria ir logo até o centro de SP. Talvez acompanhando a marginal Tietê e chegando até a estação Portuguesa-Tietê da linha 1, ligando também com a Rodoviária. O projeto do GESP é ridículo, assim como tudo que venha do Alckmerda

            Gapre / (em resposta a Luiz)
        • Disseram que ela só vai agora até a estação Iguatemi. O trecho até Cidade Tiradentes não é mais obrigatório.

          Arthur Lira / (em resposta a Gapre) Responder
          • Afff, pois é, fiquei sabendo de mais essa sacanagem do Santo. Ninguém merece, só os trouxas que o defendem

            Gapre / (em resposta a Arthur Lira)
  3. Na minha opinião, essa linha deveria ser um monotrilho, não trem. Sei lá, não me parece que terá alta capacidade de passageiros para ser desenvolvido uma linha de trem. Esse governo tem cada uma, inverte muitas coisas. A não ser que eles queiram ir muito mais além do aeroporto, mas acho muito, muito difícil essa tese. Pelo que eu entendi, eles colocarão ônibus ou outro tipo de transporte para levar os passageiros da estação aeroporto até o terminais. Muito mal planejado, já que a ideia é deixar os passageiros no aeroporto e a estação ficar longe dos terminais…

    Thommy / Responder
    • Na verdade, a concessionaria do aeroporto (GRU Airport) deveria criar um veiculo de transporte semelhante ao monotrilho que faria a transferencia com a CPTM na estação aeroporto e levaria aos terminais, porém até o presente momento esta ideia sequer está em estudo. Segundo um plano de expansão que eu havia visto, o governo tinha fechado esse projeto junto a GRU, ou seja, o governo cria a linha até certo ponto do aeroporto, e um outro veiculo operado pela GRU faria a distribuição entre os terminais. Inclusive eu te agradeço, pois poderei utilizar esta ideia de mobilidade na minha tese da pós graduação em gestão aeroportuaria. =)

      Nicolas Ferreira / (em resposta a Thommy) Responder
      • Nicolas, essa idéia já existe e foi negociada com o Governo do Estado, a Concessionária se comprometeu em fazer o monotrilho, não concordou que o Governo fizesse e passasse pelos estacionamentos do Aeroporto.Thommy deve ser de grande capacidade , o projeto é levar essa Linha até o Bairro do Bom Sucesso, passando pelo Bairro de São João que tem inúmeros outros bairros Satélites com grande população.

        Felix / (em resposta a Nicolas Ferreira) Responder
  4. Concordo com a questão da distância. Me parece algo muito infeliz ter que utilizar outros meios de transporte para aproximar os passageiros dos terminais. Potencial de lotação tem e muito..o aeroporto tem muitos funcionários e usuários que utilizam carro, ônibus, taxi e outros. Alem do mais muita coisa pode surgir na região. O que não faz sentido é colocar todo mundo junto em uma linha sem conforto ou diferencial para quem vai ao aeroporto.

    Nivaldo Fernandes / Responder
  5. pior ainda é passageiros do aeroporto, chega a são paulo pela manhã, vai até engenheiro goulart e ter que usar a linha 12, depois Brás, tudo cxheio em direção ao centro. Coisa de brasileiro mesmo!

    antonio carlos / Responder
  6. Fico imaginando retirar trens de linhas que já não os têm para circular na nova com previsão de entregas de trens novos somente em 2.019 e não se esquecendo que entregar é uma coisa, mas colocá-los em circulação é outra totalmente diferente pois testes dinâmicos têm que ser feitos por questões de segurança.
    Parece que foi tudo planejado. Entrega das estações em 2.018 e entrega dos trens em 2.019. Ou foi falha de planejamento ou não serão entregues em 2.018. Somente lembrando que 2.018 é ano eleitoral. Eleições para governador, presidente da república, …

    ELISIO FERREIRA NETO / Responder
  7. É provisório até a Linha 19 Celeste ser construida.

    Felix / Responder
  8. Construir uma linha férrea pro aeroporto e ter que conectar os dois comum onibus é a coisa mais idiota do mundo. É igual a estação Butantã que deveria ser no portão da Usp, mas o reitor não quis e agora os alunos têm de se espremer em onibus quentes e superlotados, depois de esperar numa fila sob sol ou chuva. Realmente, a engenharia do Brasil é uma questão de burrice pública.

    Ivaldo / Responder
  9. Avançando pro passado no caso. Ela deveria ter sido entregue em 2014.
    VLWFLW

    tiago / (em resposta a Felix) Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*