Viaduto na 9 de Julho será aberto a carros com mais de 1 uma pessoa

O Viaduto Plínio de Queiroz, da Av. 9 de julho, na região central de São Paulo, será reaberto a carros com mais de 1 pessoa a bordo a partir da próxima sexta-feira, 6. O viaduto virou exclusivo para ônibus na gestão Haddad.

O secretário municipal dos transportes, Sergio Avelleda, disse ao Bom dia Brasil, da TV Globo, nesta manhã de terça, 3, que o viaduto acabou ficando subutilizado ao se tornar exclusivo para os ônibus. Já a parte de baixo, o entorno da Praça 14 Bis, que recebeu todo o fluxo de automóveis, passou a ter congestionamentos.

O secretário disse que liberando veículos compartilhados vai melhorar o trânsito sem prejudicar o sistema de ônibus.

“Há espaço para ser ocupado e, embaixo ficou superlotado pelos veículos. Se a gente incentivar o uso compartilhado, vamos melhorar o trânsito e o meio ambiente sem investimento público”, disse o secretário. Ele afirma que o motorista que está sozinho também é beneficiado porque pega a parte debaixo mais livre. “Temos certeza que vamos melhorar a vida de todos”, afirmou.

Carros com duas ou mais pessoas poderão trafegar pelo viaduto das 5h às 21h, de segunda a sexta. Aos sábados, a circulação dos compartilhados será permitida das 5h às 15h. Nos demais horários, domingos e feriados o tráfego será liberado para todos os veículos.

 


Autor: Caio Lobo

Ler todos os posts

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

37 Comentários deste post

  1. Ah ta bom que muita gente vai compatilhar só para poder passar pelo pseudo viaduto…..

    Quem quer rapidez, use os onibus com as faixas exclusivas. Quer conforto, ir sentado, vai de carro, mas ature os congestionamentos!

    PSDB carrocrata dos infernos!

    Renato / Responder
  2. Ok! Mas como ele vai fiscalizar a quantidade de ocupantes por carro? Se for só carro com mais de um ocupante mesmo, vale o teste.

    Fabio / Responder
  3. A cidade começou a voltar a normalidade.Boa medida, naquela localidade são poucou ônibus para muita pista.São poucas linhas que transitam naquele local.

    Felix / Responder
    • Poucas linhas que transportam mais de 300.000 pessoas por dia…..

      E qual é a demanda do veiculo que ocupa 80% do espaço publico transporta nessa avenida diariamente? Nem um terço disso….

      Mas a prioridade do PSDB é favorecer o carro em detrimento a esmagadora maioria daqueles que usam o transporte publico…

      Depois não sabem pq o povo que usa carro não larga dele….

      Renato / (em resposta a Felix) Responder
      • O assunto é aquela localidade, há inúmeros corredores de ônibus que passam muitas linhas e que não têm como transitar veículos.

        • Enquanto o transporte publico não for prioridade máxima, não vamos convencer quem usa carro a deixa-lo em casa, se o governo está preocupado com o transito e não em agilizar a velocidade dos onibus.

          Nessa tua premissa, os corredores e faixas exclusivas de onibus deveriam ser extintas, pois tiram espaço do carro e prejudicam o transito….

          Ah, o Haddad poderia ter sido mais agressivo como foi o Henrique Penalosa, atual prefeito de Bogotá….

          Renato / (em resposta a Felix) Responder
  4. Califórnia tem algumas rodovias neste modal.
    É simples e bem pensado

    Agora é esperar povo chorando por tomar multa pq não sabe ler

    Andrew / Responder
  5. Agora entendo porque os que tem carro, e ficam pra baixo e pra cima, não gostam do Haddad, espero que onde tem essa faixa de ônibus, tenha radares, pra multar, se houver invasão.

    Rodrigo Santos / Responder
  6. Como quase todos os carros têm insulfilme é óbvio que não terá como fiscalizar quantas pessoas estão no carro. Na prática, a medida acaba com a priorização do transporte público no viaduto.

    Júlio de Almeida Lopes Vieira / Responder
  7. Demorou…. tem que tirar a faixa de ônibus deste túnel da foto também… quase não passa ônibus ali e causa muito congestionamento.

    fabio / Responder
    • tem que arrancar a calçada quase n passa pedestre

      Alexandre i / (em resposta a fabio) Responder
    • Vamos arrancar as arvores, os prédios, tirar as calçadas, os canteiros centrais e criar faixa de rolamento…..mais vias para mais carros e que se foda a poluição.

      Ah, e aproveita e desativa o metrô, o sistema de onibus, afinal..pra que gastar dinheiro para manter o carissimo metrô e o sistema de onibus se o carro é o transporte de conforto…e vamos dar um carro para cada um dos 9 milhões de usuários dos onibus poderem se deslocar na cidade e para os usuários do metrô e da CPTM tb….

      Pronto, todo mundo tem seu automovel e ninguém mais a pé….xD

      Renato / (em resposta a fabio) Responder
  8. Mas que maneira de suavizar o retrocesso, em? Alguém fala para o secretário que o problema aí não é somente com o espaço (se fosse, bastaria uma faixa exclusiva, como a que foi implantada no túnel), mas sim a mudança de faixa que os ônibus fazem entre os carros para atender à parada à direita, e depois para voltarem à esquerda? Vai causar um enrosco, como era antes.

    Felipe / Responder
  9. Doria começando bem. O maluco do Haddad deixou a região insana, uma bosta. Agora felizmente a nova gestão tem uma visão mais ampla, não demonizando o carro. Tem que agilizar pra todo mundo, seja ônibus ou carro!

    Josh / Responder
    • Explica como vai agilizar os onibus que precisam mudar da esquerda para a direita, com os carros passando ali?

      Pelo visto, não conhece a região e muito menos o viaduto……tsk tsk

      Renato / (em resposta a Josh) Responder
      • Cara, passo na região direto. Só na tua cabeça de inteligentinho que não. Talvez seja vc que não conheça e venha com bla bla bla. Se enxerga.

        Josh / (em resposta a Renato) Responder
        • eu usava o 6200 terminal bandeira que aliás tem uma boa frequência no corredor e nos horários de pico sempre dava merda esse lance de ir da primeira para esquerda se não era o próprio ônibus já havia outro empacado com algum carro no caminho. ficou pior pro carro? com toda certeza. como era antes? ruim pro carro e ruim pro ônibus, depois da exclusividade bom pros ônibus e táxis e ruim pros carros. agora volta pra porcaria que era antes

          Alexandre i / (em resposta a Josh) Responder
          • Pois é Alexandre, ele acha que existe uma formula mágica onde da para agradar a gregos e troianos….xD

            Renato / (em resposta a Alexandre i)
        • Se enxerga você cara…Eu moro na região a 25 anos e conheço muito bem!
          Você não tem argumentos e seu post é apenas uma tentativa de justificar uma medida que só prejudica a maioria que usa o onibus…

          Renato / (em resposta a Josh) Responder
        • Você ainda não respondeu minha pergunta….como vai manter a agilidade do onibus e a travessia da faixa da esquerda para a direita com os carros passando direto?

          O negocio é não atrapalhar o carro, que se foda os 300.000 usuários dos onibus!

          “TA SERTO”

          Depois não sabe pq o transito nunca melhora, só piora….

          Renato / (em resposta a Josh) Responder
      • Esse Josh é carrocrata, viu como ficou nervosinho? Deve andar só de carro, pois quem usa busão não vai concordar com isso de jeito algum.

        A reação de carrocrata é sempre essa! Não ligue…..é bicho do mato!

        Marcelo / (em resposta a Renato) Responder
        • Marcelo, eu uso ambos os meios de transporte: carro e ônibus. Por isso não tenho uma visão tendenciosa. Acho que tem que melhorar pra cidade como um todo. E não são essas medidas de fechar aos carros que resolverão o problema da cidade.

          Josh / (em resposta a Marcelo) Responder
  10. Os engenheiros que se virem e modifiquem o corredor mal feito naquele trecho, aqueles que ficam defendendo os carros vs transporte público continuam no efeito e não na causa. Só pensam em inaugurar.

    ROBERTO / Responder
    • foi o que coloquei no outro post, não seria problema algum se não houvesse o cruzamento de faixas, aparentemente só botando o viaduto abaixo e fazendo outro, ou um puxadinho… mas pelo jeito vão empurrar com a barriga…

      Alexandre i / (em resposta a ROBERTO) Responder
    • Acho que aqui ninguém defende os carros em detrimento do transporte público, aqui uns defende só o transporte publico e outros defentem todos os meios de transporte, numa cidade como São Paulo dá para todos conviverem, desde que seja com parcimônia. Obom gestor público não opta por um só modal.

      Felix / (em resposta a ROBERTO) Responder
  11. Esse corredor teria que ser BRT,inclusive o viaduto continuaria só pra ônibus,mas desde quando foi feito nos anos 80 tinham reclamações desse corredor pois “enfeiaram” a região, depois inverteram o lado das portas, pra mim tinha que ser BRT pra Santo Amaro, Term. João Dias e se der até o Capelinha, .

    mauri / Responder
    • seria uma ótima, mas duvido que tenhamos não só nesta gestão, mas em diversas outras.

      Alexandre i / (em resposta a mauri) Responder
  12. muita merda isso seria bom que tivesse corredores subterraneos e VLT e pra que aumentar as tarifas agora nesse viaduto não é pra ter carro os caros podem fazer um trajeto diferente, não sei pq carro quererm fazer o mesmo trajeto do busão, o Busão que passam ali tem como objetivo ser um “quase BRT” e com caros ali vai dar merda. alias era pra ali prestar um serviço semelhante a um BRT.

    wagner / Responder
  13. Ainda não descobri se o Weibi, Josh e Felix, são os mesmos, um consegue ser piro que o outro.

    Rodrigo Santos / Responder

Deixe uma resposta para haroldo Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*