Obras do BRT Transbrasil estão paralisadas

As obras do BRT Transbrasil, no Rio de Janeiro, estão paradas. Uma pausa nas construções havia sido feita por conta dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos, porém o processo era esperado para ser retomado em setembro.

O corredor exclusivo de ônibus deve correr pela Avenida Brasil, ligando a região de Deodoro até o aeroporto Santos Dumont, com 32 km de extensão e transportar um milhão de passageiros por dia, com 450 veículos articulados. Estão previstos 28 paradas e quatro terminais.

A Secretaria Municipal de Obras afirma que já advertiu o consórcio construtor para retomar as obras. Já o consórcio diz que só deve voltar aos trabalhos após a prefeitura regularizar o reajuste dos contratos.

Algumas construturas chegaram alegar à Associação das Empresas Engenharia do Rio de Janeiro, que a ordem para suspender as obras partiu da prefeitura após o resultado do primeiro turno das eleições. A administração municipal nega. A mesma associação diz que existem atrasos em pagamentos.


Autor: Renato Lobo

Ler todos os posts

Paulistano, Técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

9 Comentários deste post

  1. Claro que pararam as obras. As Olimpíadas já acabaram

    Gapre / Responder
  2. Legado da Copa e da Olim Piada.

    Felix / Responder
  3. O dinheiro do Governo Federal acabou, graças a má gestão da Chapa que continua no Poder.

    Roberto / Responder
  4. CONTINHA RÁPIDA :
    Capacidade (Lotação) de um articulado 150/pasgs. – 450 articulados X 150 = 67.500/pasgs.total
    Capacidade (lotação) de um trem de metrô (6 carros) 1.500/pasgs – 45 trens de metrô X 1.500/pasgs. = 67.500/pasgs.total
    Quantos litros de “diesel” consomem 450 ônibus durante um dia de operação?
    Quantas toneladas de (Co²,CO,SO²,SO,NO) despejam no meio ambiente?
    Será que vale à pena mesmo?
    45 trens com capacidade (lotação)de 67.500/pasgs. corresponde a 10% da frota de 450 ônibus articulados com capacidade (lotação) igual.

    Salvador Sobre Trilhos / Responder
    • Pela quantidade de pessoas que estão esperando transportar, um milhão diarios, deveria ser sim metrô,ou mesmo trem, mesmo que demoraria anos e anos pra fazer já que são 32 km,mas seria mais compatível com a demanda, esse é o problema, querem fazer BRT com demanda de metrô e depois reclamam da super lotação.

      • Apenas para uma “comparação” distante…
        O Corredor ABD que não é BRT tem 33km de extensão, que conta com ônibus de diversos tipos (trólebus, padrons, superarticulados, articulados e trucados) já está entupido… Imaginem esse BRT? Chega a ser desumano.

        Leandro Costa / (em resposta a mauri) Responder
      • Apenas para uma “comparação” distante…
        O Corredor ABD que não é BRT tem 33km de extensão, que conta com ônibus de diversos tipos (trólebus, padrons, superarticulados, articulados e trucados) transportam uns 250 mil por dia (creio eu) já está entupido… Imaginem esse BRT? Chega a ser desumano.

        Leandro Costa / (em resposta a mauri) Responder
  5. Na época dos jogos olímpicos tudo era valido, para mostrar para outros países que um pais de 3º mundo como este, teria uma tecnologia lisonjeira, hipócrita, falsa para benefício da população de fora do Rio entre outros estados e países de modo que a própria população do Rio não desfruta de nada disto, ficando numa situação a desejar. E a linha 4 do metrô da mesma forma. O povo de outros lugares daqui do Brasil e outros países ainda são capazes de contar tantas vantagens residuais por conta do Brasil até hoje pela época olímpica, sendo que a própria população do Rio, nada se desfruta destes benefícios. Em época de Eleições tanto de Governo estadual como municipal, todos candidatos políticos fazem suas marketings com inúmeras promessas vantajosas enganando o povo. Na hora de cumprir não é nada daquilo que se ouviu durante Campanhas enganosas.
    É por isto que parte da população abominam estas tais vantagens transformando isto em verdadeiros protestos, arriscando muitas vezes suas próprias vidas por uma conquista de algo de forma sofrida e humilhada.
    Só que as contribuições publicas, impostos entre outros e assim por diante, sai tudo do próprio bolso da população, mas os resultados destes frutos que publicamente contribuem são revertidos em desvios e lavagem de dinheiro, mantendo tudo isto como forma de investimentos com auto índice de crescimento para corrupções…

    Santos / Responder
  6. Ai pergunto, novidade isso nesse brasilis?

    Rodrigo Santos / Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*