Haddad prevê regulamentar Uber por decreto

Em entrevista a rádio CBN nesta manhã de quinta-feira, 5, o prefeito de São Paulo, Fernando Hadad, disse que vai regulamentar, por decreto, a utilização do aplicativo no Uber na cidade até o fim de junho.

Pela segunda vez, por pressão de taxistas, a Câmara dos Vereadores barrou a votação que regulamenta o app nesta quarta, 4.

Além de legalizar o Uber, o decreto deve regulamentar qualquer aplicativo que tenha a mesma finalidade. A regulamentação prevê venda de créditos on-line. Pelo modelo, a empresa responsável pelo aplicativo teria de comprá-los da prefeitura para poder rodar na cidade –dessa maneira, a gestão teria informações sobre as viagens e estabeleceria um limite de carros nas ruas.

Ouça:


Autor: Caio Lobo

Ler todos os posts

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

2 Comentários deste post

  1. Tomara mesmo, chega de monopólio de taxista.

    Rodrigo Santos / Responder
  2. O táxista não tem o monopólio do sistema, táxi é uma permissão dada através de um alvará emitido e fiscalizado pela prefeitura.
    A UBER sim é um monopólio irregular e explorador de mão de obra.
    Para começar os carros não passam por nenhuma fiscalização ao contrário dos táxis, muitos carros da UBER estão rodando com pneus carecas e ou riscados, o valor das corridas pagas para o motorista UBER é insustentável, basta verem a rotatividade de motorista, dificilmente irá encontrar um com mais de 2 meses.
    A UBER escraviza seus motoristas parceiros mais do que as frotas de táxis que nem deveriam existir pois a maioria são de parentes de politicos.
    A UBER fica com 25% do faturamento bruto de cada motorista / carro.
    O motorista com seus 75% tem que fazer a manutenção do carro, colocar combustível, se alimentar, pagar uma multa a cada 40 dias e tentar levar o pão para casa, alguém acha que dá ????? NÃO DÁ.
    HOJE A UBER TEM MAIS DE 30 MIL MOTORISTAS PARCEIROS.
    SÃO ALGO EM TORNO DE 40 MIL TÁXIS REGULAMENTADO EM S.P.
    A única empresa que está conseguindo trabalhar transportando passageiros em carros de passeio, placas cinza é a UBER.
    Pela Legislação , o transporte de passageiros tem que ser feito em carro de aluguel, placa vermelha.
    Isso é a LEI.

    Angelo Fernandes / Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*