Haddad diz que Uber deve ser regulamentado na cidade

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, disse nesta sexta, 8, deve ser liberado o aplicativo Uber com restrições na cidade. “Não dá nem liberar sem critério, porque isso iria canibalizar o sistema. Nem dá para proibir, porque São Paulo depende de inovação tecnológica para avançar. O caminho é a regulamentação, com critério, fiscalização e sem concorrência predatória”, disse o prefeito durante um evento.

O jornal Folha de São Paulo já havia publicado na data de hoje que o prefeito e os vereadores fecharam um acordo para votar a regulamentação do app ainda neste mês. Haddad conversou com o vereador José Police Neto para acelerar a regulamentação por meio de um projeto de autoria do próprio vereador, que trata do compartilhamento de automóveis por aplicativos.

O principal é a regulamentação por meio da venda de créditos on-line. A empresa dona do aplicativo teria de comprá-los da prefeitura para poder rodar na cidade com seus motoristas (assim, a gestão teria informações estratégicas sobre as viagens e estabeleceria um limite de carros nas ruas).


Autor: Caio Lobo

Ler todos os posts

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

2 Comentários deste post

  1. Bacana, a melhor opção e regular ,desde que os preços não subam.

    Rodrigo Santos / Responder
  2. Com o preço insustentável não tem como ficar , vai quebrar todos os motoristas.
    Essa empresa e escravista

    Angelo Fernandes / Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*