Haddad defende testes para fechamento do Minhocão

Foto: Style City

O prefeito Fernando Haddad falou pela primeira vez em fechamento do Minhocão [Elevado Costa e Silva], ainda que não tenha nenhuma decisão oficial. O administrador da maior cidade Brasileira defendeu fechamentos paralelos e temporários como teste para uma obstrução definitiva aos carros.

“Uma das coisas possíveis seria: vamos fechar por um mês, dois meses, três meses? Vamos estabelecer um prazo para ver com a cidade vive sem isso por um tempo, sem tomar a decisão. Vamos experimentar? Se nós tivermos uma comunidade mais aberta ao experimentalismo, vamos poupar tempo, energia, desgaste pessoal e vamos chegar a solução mais viáveis”, disse o prefeito, durante palestra para alunos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IF-SP).

No entanto, Haddad disse que nenhuma decisão será tomada sem que se tenha estudos técnicos. Na avaliação de alguns urbanistas, o trânsito poderia acomodar o fluxo de carros.

Crítica à grande imprensa

O prefeito não poupou críticas a setores da imprensa, no que diz respeito as ações da prefeitura a mobilidade. “A cidade precisa se abrir um pouco para a mudança. Infelizmente, os meios de comunicação jogam um conservadorismo sempre. Mudança não é bem-vinda. Então, das duas uma: ou está tudo bem e mudar é sempre para pior ou não existe mudança para melhor. Não sei compreender esse tipo de raciocínio. Não sei se é porque eu vim da universidade. Na universidade, você está experimentando o tempo inteiro. Para aprender, tem que experimentar”, disse Haddad.


Autor: Renato Lobo

Ler todos os posts

Paulistano, Técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

37 Comentários deste post

  1. Ótima ideia.

    Alex / Responder
  2. o pessoal que não tem alternativa deve ter adorado também

    rafael / Responder
  3. Se realmente fizer nesse molde talvez seja uma boa … tem que experimentar sim … mas primeiro com contato com a população, aviso antecipado e em carater experimental … funcionou mantem … caso contrario cancela …

    Alexandre I / Responder
  4. Na minha opinião, o Minhocão deveria ser derrubado e transformado em túnel.

    Gapre / Responder
    • Tunel com um custo próximo a de uma linha de metrô? NÃO, meu dinheiro não é capim!

      A cidade já tem 17.000km de vias e que cobrem a cidade inteira. Precisamos é de mais metrô,trem, corredor de ônibus, ciclovias, não tuneis faraônicos.

      Robson / (em resposta a Gapre) Responder
      • Pois é, esse é o problema. Custos. Mas será que não valeria a pena depois? Aquela área da São João se revitalizaria completamente. A derrubada da Perimetral no Rio pra virar túnel tá dando um fôlego novo rpaquela região portuária. Mas concordo com vc, transporte público é a prioridade

        Gapre / (em resposta a Robson) Responder
        • Acredito que investir em soluções de gargalos nas vias, e ampliação mais rapida do metrô (esse que tira carros das ruas por oferecer alternativa de deslocamento rapido ao automovel), teria muito mais impactos do que um tunel.

          Além disso, embaixo, já passa a linha 3 do metrô

          Robson / (em resposta a Gapre) Responder
  5. Experimentar é sempre bom. O problema é que não dá pra confiar num larápio como o Haddad. Mesmo que ele jogue essa de que vai somente “fazer um teste”, mesmo que a população fique bem insatisfeita com a mudança, ele vai manter se quiser, passando por cima como um ditador. No fundo, é mais uma jogada dele. E ele é bom em enganar a sociedade, assim como todos os seus comparsas.

    Josh / Responder
    • chola tucaninho, chola

      Gapre / (em resposta a Josh) Responder
      • Chora barbudinho.

        ROBERTO / (em resposta a Gapre) Responder
      • Gapre, que eu saiba o politiqueiro manjado nesse site é vc. Vive babando o ovo do haddad e do pt. Toma vergonha, cara!

        Josh / (em resposta a Gapre) Responder
        • Josh, tucaninho, chola mais não. Critiquei o prefeito Haddad por não criar lei específica de zoneamento nas áreas de monotrilho em um artigo daqui do viatrolebus, aquilo era claramente uma tentativa tendenciosa de não valorizar uma região com obras do governador. Assim como já elogiei uma atitude do governador em um outro artigo do viatrolebus em que ele vai aprovar uma lei que reduz o valor da passagem do metrô em horário de rush. Satisfeito agora?

          Gapre / (em resposta a Josh) Responder
    • E o Alckmin é um santo, não? Vide seu secretário de Segurança Publica que foi vaiado e expulso da manifestação dessa quinta feira na Av.Paulista por tentar querer que os manifestantes liberem a avenida.

      Por pouco não foi linchado e deveria ter sido. Ditador FDP! Manifestação (ainda mais pacifica) é um direito garantido por lei e está acima do direito de ir e vir (na qual existem rotas alternativas para os carros e metrô)

      Renato / (em resposta a Josh) Responder
      • Vc está equivocado, o Secretário está tentando evitar um confronto que poderá acontecer.Hoje haverá as manifestações dos que apoiam o governo federal atual, essa manifestação já estava marcada há muito tempo, a exemplo das manifestações que ocorreram no Domingo dia 13 contra o governo federal.Seria mais fácil ele fazer como Pilatos, lavar as mãos e deixar o confronto, que não é bom, nem para um lado e nem para outro.Sabe como chama se isso? É responsabilidade com o cargo que ocupa.

        Jardel Tales / (em resposta a Renato) Responder
        • Faça o favor colega – Leia de novo meu comentário: Eu me referi a manifestação de QUINTA-FEIRA, não de sexta feira (que estava marcado a do PT). O ocorrido foi na parte da MANHÃ.

          Com tantas coisas mais importantes para ver, fica preocupado com manifestação que estava totalmente pacifica e é garantido pela constituição.

          O MBL já tinha enviado um oficio para o SSP avisando da manifestação ainda na parte da manhã, e tão logo ele recebeu, deixou a avenida liberada.

          Esse é o tipico cara com mentalidade de ditador, bem estilo Alckmin conservador.

          Não resolve nada o problema da segurança pública que ta cada vez pior….

          Renato / (em resposta a Jardel Tales) Responder
  6. Essa prefeitura é surreal,veja a foto,placa indicando 70 kms/h e nas marginais 60 e 50.Isso é uma máquina de propaganda . Só será resolvido o problema do Elevado General Costa e Silva, Minhocão,quando o Governo Federal tirar os trens de Carga, com o Ferroanel e o Governo do Estado fazer um Túnel da Lapa até o Ipiranga.Onde está os trilhos ficaria Av , Boulevard, Pista de Bicicletas etc…Já existe o Estudo . São Paulo não precisa de maquiagens, necessita de obras que resolvem problemas.

    Jardel Tales / Responder
    • Um tunel para enterrar os trilhos custaria bilhões e bilhões. Como vai fazer com a operação das linhas 3 e 7 na Barra funda? E as linhas 11 e 7 na Luz?

      Você usa as linhas da CPTM todos os dias nos 2 horários de pico? Pelo visto, não, para falar tanta merda.

      A região da Lapa ao Ipiranga passam 5, das 6 linhas da CPTM, que representam 2,4 milhões de passageiros por dia util.

      Robson / (em resposta a Jardel Tales) Responder
      • Por alguns comentarios da pra notar que nem de sp é … nao tem noção dos bairros da cidade e muito menos de dificuldades do dia a dia …

        alexandre i / (em resposta a Robson) Responder
        • Procure se informar,se não sabe posso ajudar, entre no Google e pergunte sobre aterramento das linhas da CPTM Lapa x Ipiranga e depois de feito isso , ponha sua cabecinha no travesseiro e analise quem fala essa palavra chula a que vc se refere.

          Jardel Tales / (em resposta a alexandre i) Responder
          • A placa do mimimi de 70 km/h é antiga … desconhece que a marginal nao é 50/60 … desconhece que bairros como higienopolis e oscar freire e só diz viva alckmin em tudo quanto é noticia do mesmo … é de estranhar que seja realmente paulistano … se só consegue conhecer sp pelo google sinto muito …

            Alexandre I / (em resposta a Jardel Tales)
          • Você usa as linhas da CPTM todos os dias 2 picos? Não conhece a realidade de quem usa e o CAOS que uma obra inutil como essa causaria para eles, apenas para enterrar e construir mais avenidas para agradar ao seu ego carrocrata.

            Eu não estou aqui para fazer amigos. Estou aqui para expor minha opinião. Sou duro e sincero ao pé da letra, falo o que penso, se gostou, não gostou, problema seu. Eu não estou aqui para agradar ninguém.

            Robson / (em resposta a Jardel Tales)
      • Realmente já vi esse estudo de aterramento das linhas entra a Lapa e o Brás, mas na minha opinião apesar de poder transformar a região, seria um projeto muito caro, que tiraria verbas para ampliação de outras linhas, o que poderia ser feito e que ja foi estudado tbm, seria aproximar as vias das linhas 7 e 8 , sobrando espaços para construção de uma avenida alternativa ao minhocão, pra isso teria que derrubar o moinho, onde hj se localiza a favela do moinho, não seria fácil tbm , mais é mais viável que um tunel .http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2010/06/prefeitura-quer-aterrar-linhas-de-trem-e-construir-avenida-da-lapa-ao-bras.html

        mauri / (em resposta a Robson) Responder
        • Por isso que essa obra não saiu do papel até hoje. O custo dela é faraônico e é coisa para decadas, pois precisamos primeiro, construir nossa malha metroviaria afim de oferecer opções aos usuários das linhas 7,8,11 e 12 (que hoje são obrigados a passar pelo centro para acessar pelo menos 2 linhas de metrô, como a azul e a amarela).

          Quer enterrar as linhas da CPTM e onde os trens vão passar durante as obras? Com intervalos de 4 a 6 minutos nos horários de pico, isso é totalmente INVIAVEL hoje e ficará ainda mais, daqui a alguns anos, qdo a CPTM reduzir os intervalos para 3 minutos na maioria das linhas.

          Robson / (em resposta a mauri) Responder
          • Não saiu do papel até hoje porque o Governo Federal não cumpriu o prometido, Ferroanel Sul ao lado do Rodoanel Sul e a promessa de agosto de 2014 em faxer o Ferroanel Norte junto com o Rodoanel Norte, tirar os trens de carga.Passou as eleições e neca de pitiritiba.

            Jardel Tales / (em resposta a Robson)
          • Isso é um problema para os engenheiros de como farão circular os trens.Como circulam os Onibus, caminhões e outros veiculos quando o tatuzao está passando por baixo das avenidas?

            Jardel Tales / (em resposta a Robson)
  7. No chão rola. Derrubado, destruído, desaparecido, o Minhocão é muito mais bonito. A General Olímpio agradece.

    Danilo / Responder
  8. O Prefeito deveria pensar antes de falar um, dois, três, quatro, não uns 9 meses até acabar a sua péssima administração, Tem de resolver o problema de alguns hospitais do Município que não conseguem realizar cirurgias, pois a empresa prestadora de serviço de anestesia alega falta de pagamento. Fala Sério.

    ROBERTO / Responder
  9. https://medium.com › trens-metropolitanos

    Jardel Tales / Responder
  10. Podíamos transforma-lo em um VLT

    fabiano / Responder
  11. Bacana a iniciativa.

    Rodrigo Santos / Responder
  12. Tempos atrás o Estadão, para comemorar o aniversário da cidade, montou um site que gerou um banco de idéias dadas pelos paulistanos para a cidade que o jornal disse ter sito enviado para a prefeitura (na época o Kassab) . Eu dei essa idéia na época. Acho válido testar pra desmistificar se realmente há, na prática, toda essa necessidade da cidade pelo minhocão como sempre se falou. O Grosso do transito está em regiões mais centrais em termos de Atividade Economica e emprego, na época que o minhocão foi feito o centro antigo era protagonista da atividade economica na cidade e não havia metrô. Hoje o quadro é distinto: as grandes empresas foram pra fora do centro, e os grandes congestionamentos estão nas maginais e da Paulista para a Zona sul. O centro não é mais o centro dos anos 70. As pessoas usam o minhocão por que ele está lá, se não estivesse usariam a marginal, a marques de São Vicente e a Própria Avenida São João e rua Amaral Gurgel que, sem as pilastras do elevado ganhariam um faixa extra em cada sentido. Embora a idéia de um parque encima do elevado seja sedutora não podemos esquecer do cenário depressivo que há embaixo dele. Os tempos são outros. A qualidade de vida pede que aberações urbanas como esta fiquem no passado e que a cidade invista em qualidade de vida que a meu ver é: metrô subterraneo, áreas verdes, controle da poluição ambiental, sonora e visual, VLTs e ciclovias de boa qualidade e bem planejadas.

    Felipe / Responder
    • Exatamente, Felipe. Por isso mesmo que eu sugeri que o Elevado fosse demolido, pois o que há debaixo e no entorno dele é terrível. Aquela área precisa ser valorizada e essa valorização depende do fim do Minhocão

      Gapre / (em resposta a Felipe) Responder
      • Quanto aos beneficios de jogar esse elefante branco abaixo eu tambem nao teria nenhuma duvida… mas seria mais justo mais chamamentos populares antes de sair fazendo e testes …

        Alexandre I / (em resposta a Gapre) Responder
  13. Gapre, infelizmente o que ocorre é que setores da sociedade simplesmente não podem ouvir falar do termo valorização ou revitalização que começam a se mobilizar contra. Pra esses setores tudo é motivo pra alegar a existência de processos de gentrificação.

    Felipe / Responder
  14. Tem que demolir essa porcarial

    Hubner / Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*