Conclusão de reforma da rede de trólebus em SP não tem prazo

Imagem de Lucas Chiconi

A reforma da rede elétrica do sistema trólebus não tem previsão de ser concluída. A troca da fiação em 137 quilômetros deveria ter sido concluída em toda a cidade no final do ano passado.

Segundo a São Paulo Transportes, SPTrans, “no presente momento, um cronograma de execução de serviços está em fase de elaboração”, informou nota ao Via Trolebus.

A empresa que gerencia os transportes na capital paulista disse que 80% dos trechos passaram pela modernização, correspondendo aos bairros de São Mateus/Carrão, Carrão/Penha, Vila Formosa, Região Central, Mooca, Aclimação e Higienópolis. A rede de trólebus das regiões do Ipiranga, Piratininga, Tatuapé e Gasômetro ainda não foram trocadas.

Diminuição de panes

A modernização colaborou com a operação do sistema de ônibus elétricos. As panes na rede caíram de 75 por mês em média no ano de 2012 para 13 registros no mês de setembro após o início dos trabalhos, representando 83% de redução nas falhas.


Autor: Renato Lobo

Ler todos os posts

Paulistano, Técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

11 Comentários deste post

  1. Otimo serviço prestado na zona leste, porem no centro da cidade trocaram apenas a fiação deixando os estirantes e fixadores velhos uma porcaria, se é para fazer que façam direito.

    Pedro / Responder
  2. Devemos expandir a rede

    fabiano / Responder
  3. Não sei o porque ainda não colocaram a linha 2101 praça silvio Romero praça da sé com trólebus ainda pq a fiação elétrica está lá sem ser reutilizada.

    marcelo / Responder
  4. Empresa contratada e recursos tem para terminar a reforma de rede aérea, porque não fazem?

    Ricardo / Responder
  5. Devemos ressaltar também que os novos trólebus são ótimos, isso ajudou muito. A SPTrans poderia implantar também na linha São Mateus / Parque Dom Pedro II (que passa na Anhaia Mello).

    Valmir / Responder
  6. Ai complica.

    Rodrigo Santos / Responder
  7. Por quê não colocam linhas de trolebus Vila Sabrina/Jardim Brasil até Metrô Tucuruvi? Ou Vila Sabrina/Vila Medeiros até Estação Tucuruvi do Metrô.

    Jardel Tales / Responder
  8. Pena que zona sul não haverá o trolebus

    Renan Menezes / Responder
  9. A expansão do sistema de trólebus contribuiria muito para a mobilidade e para reduzir a poluição da cidade.
    Ainda que antes de se implantar novas linhas ao menos se eletrificasse corredores que já tiveram serviços de trólebus, como o corredor 9 de Julho/Santo Amaro,
    Mas se a modernização da rede elétrica está dessa forma, é por que, a incompetência de gestão politica já se faz presente na falta de recursos.

    Luis Fernando / Responder
  10. Para mim deveriam usar Ônibus a baterias. Sem fios. Wireless Bus.

    O mentor / Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*