Nova estação Água Branca será polo ferroviário

Nas últimas décadas algumas estações eram consideradas grandes entrocamentos de linhas ferroviárias, como o caso da Luz, Brás e Barra Funda. Estas paradas além de integrar o sistema metroviário e os trens metropolitanos, chamados antigamente de “trens de subúrbio”, abrigavam os trens regionais com partidas em determinados horários. Porém todo mundo sabe o fim que levou estas ligações intercidades. Nos próximos anos um novo local promete ser o maior polo metroferroviário na cidade de São Paulo: A Estação Água Branca.

Estação_Água_Branca

Integração com o Metrô

Atualmente a acanhada estação abriga apenas a Linha 7-Rubi da CPTM, que liga a Luz até Jundiaí, passando por Francisco Morato. Em um prazo de até 6 anos um novo ramal metroviário deve chegar ao local: A linha 6-Laranja, que em sua primeira fase deve ligar a Brasilândia até a estação São Joaquim. A linha esta sendo construída por meio de uma Parceria Público Privado (PPP) onde é previsto a operação do trecho até 2020.

estacaoaguabranca

Integração de 3 linhas da CPTM

Ainda em fase de projeto, o local deve abrigar 3 linhas da CPTM. Além da linha 7-Rubi, a previsão é que a 8-Diamante também faça parada no local. Atualmente a ferrovia que liga a Estação Julio Prestes até Itapevi corre ao lado da estação Água Branca, sem que tenha paradas. O motivo é que as duas ferrovias são oriundas de empresas diferentes, herdadas posteriormente pela CPTM.

Existem ainda planos da CPTM de trazer a Linha 9-Esmeralda para o local. A ação faz parte de um projeto de mudança da estação terminal do ramal que corre pela Marginal Pinheiros da atual estação Osasco, para a direção da região da Lapa. Porém ainda não se tem notícia de como será feito estre compartilhamento de vias entre a linha 9 com a linha 8 no trecho da Estação Imperatriz Leopoldina até a Água Branca.

Parada do Tav – Trem de Alta Velocidade

É previsto também que o local abrigue a estação do Trem de Alta Velocidade, que deve ligar Campinas, São Paulo até o Rio de Janeiro. O projeto, porém, encontram-se sem maiores definições. A última notícia que se tem é que uma publicação do jornal O Estado de S. Paulo que, já no início de 2015, será possível apresentar os editais para contratação de novos estudos técnicos envolvendo itens como demanda, custos operacionais, investimentos necessários, geologia, entre outros. A publicação conta ainda que na melhor das hipóteses, caso a presidente Dilma Rousseff decida realmente levar o projeto adiante, a licitação efetiva da obra só ocorreria em meados de 2016.

Trem Regional

A Estação Água Branca deve abrigar ainda um cruzamento de linhas de trens regionais, projeto de uma malha ferroviária de 431 quilômetros que vai unir regiões metropolitanas à capital.

Tratam-se de 2 ramais, o primeiro interligará Campinas, Americana, Jundiaí, Santo André, São Bernardo, São Caetano e Santos. Já o segundo liga Sorocaba, São Roque, São José dos Campos, Taubaté e Pinda, passando por Jacareí. Ambas as ligações ferroviárias se cruzariam na estação Água Branca. O primeiro trecho que deve ficar pronto é o da capital até Jundiaí. O Governo Estadual pretende iniciar as obras deste trecho em 2015.

m3Bv9ld


Autor: Renato Lobo

Ler todos os posts

Paulistano, Técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

14 Comentários deste post

  1. será que sai isso? parece bonito demais pra ser verdade

    Constante Calixto / Responder
  2. Mas porque escolheram exatamente essa estação? Passei por lá e não vi muito espaço para essa estação que pretendem construir.

    Alex Trindade / Responder
  3. Trabalho perto e as indústrias da região já tem dia para deixarem o local…. Depois disso sobrará muito espaço para
    estas obras… a ideia é boa… vamos esperar para ver se isso acontece….

    Gustavo Silva / Responder
  4. Na verdade o Trem Regional não parará em São Bernardo, e sim em Mauá. E na verdade, porque será compartilhado com o Expresso ABC, o serviço até Santos terá apenas uma parada na região do ABC Paulista, na futura Estação ABC, antiga Pirelli.

    Renato Martins / Responder
  5. Estação Agua Branca da atual linha 7 da CPTM até a linha 8 tem muuuito espaço só tirarem todos os galpões que há na área hoje.

    Professor Paulo Pardal / Responder
  6. E outra coisa, me parece que as novas linhas de trens regionais terão bitola de 1.435mm e as atuais são 1,600mm. ou será que vão padronizar em 1,600mm?? esta é uma grande dúvida.

    Professor Paulo Pardal / Responder
  7. Demorou para sair, agora vejamos como será…isso é obra para ter sido feita desde a época dos Toshiba, de tão necessária.

    Dênis Douglas / Responder
  8. Galera, para quem está por fora, existia há um tempo atrás (salvo engano, na época do Kassab) um projeto de “enterro” das linhas ferréas entre Lapa e Luz. Devido ao alto custo e demora, provavelmente foi engavetado.
    ——-
    Antes disso, existiu o chamado “Projeto Integração Centro”, que era a ideia de organizar a malha ferroviária entre a Lapa e o Brás de forma a concentrar as linhas, facilitando a baldeação.
    ——-
    A ideia é que:
    ——-
    – Se unifique as estações no bairro da Lapa (assim facilitando a integração na região)
    – A Água Branca ganhe uma nova estação com mais plataformas
    – Nasça a “Estação Bom Retiro” (assim, eliminando a estação Julio Prestes)
    – A Luz ganhe mais plataformas (quase impossível na condição atual).
    ———-
    Como todo projeto que é bom, mas custa muito, foi engavetado.
    Mas a essência de qualquer projeto de mudança será sempre a de integrar as linhas em estações centrais neste trecho.
    —————
    (Comentário que será repetido no Facebook do VT, com complementos)

    Vagner "Ligeiro" Abreu / Responder
  9. Nao vejo isso como bons olhos, dado que o sistema atual da cptm e muito inflado, trens estao muito acima da capacidade de lotacao, intervalos que passam de 10 minutos, e integrar significa aumento de demanda, e hoje e inváavel. Para que seja feito estas integracoes, e necessário primeiro aumentar a oferta de trens, diminuir os intervalos a níveis de metro, e dai em diante sim fazer integracoes. Mas o governo de Sao Paulo e incompetente demais e nao acredito em melhoria nenhuma, pois sou usuário da cptm a 22 anos mais especificamente da linha 8 diamante, e ate 2012 aos sabados 10 da manha eu embarcava em trens que eu poderia escolher lugar para sentar, mas hoje com a troca dos trens que eram de 12 carros para um de 8 carros nao consigo sentar e tenho que ficar cerca de 1 hora em pé, e segundo o governo ha 36 trens na linha, mas circula cerca de 20 trens por hora e ate hoje nao foi instaladado o sitema novo de sinalizacao, que seria a solucao para diminuicao de intervalos,e este sistema ja era para esta funcionando desde 2012. Ou seja; Da para acreditar em integracao com melhorias?

    Ed carlos / Responder
  10. Já se passaram 2 meses desse ano de 2015 e até o momento não vi nenhuma movimentação, isso por que trabalho do lado da estação Água Branca.

    LUIZ / Responder
  11. Na minha opiniao deveriam deixar a linha 9 do jeito que ta e criar uma oitava linha da CPTM ligando barra funda, agua branca, lapa, domingos de moraes, imperatriz leopoldina, ceasa, villa lobos, jaguaré pelo outro lado da marginal pinheiros a USP, rodovia regis bittencourt rumo a itapecerica da serra(a unica regiao da grande sao paulo sem investimentos sobre trilhos) vila sonia integracao com a linha 4 taboao da serra embu das artes e ate chegar a itapecerica da serra seria muito bom se fosse como linha 14 onix CPTM ja que nao vai ter mais o expresso aeroporto sou muito fã de voces estudem esse projeto pois essa regiao merece uma linha da cptm. E mais agilidade porque essas obras nao deveriam demorar tanto assim!!!

  12. Eu acho uma bobagem a linha 9 da CPTM ir ate a agua branca.
    Porque voces nao coloquem a linha 14 onix da CPTM que saira da ai seguindo domingos de moraes, imperatriz leopoldina, ceasa, vila lobos jaguare, rio pequeno, vila gomes, raposo tavares, vila sonia, taboao da serra, shopping taboao, regis bittencourt, embu das artes, jardim montesano(itapecerica da serra), e itapecerica da serra(cento). Esse projeto nunca foi mostrado por voces.
    Essas regiao precisam dessa linha, eu tambem sou fanatico a mobilidade urbana que nen o renato (voce esta de parabens renato so falta criar um aplicativo para android do via trolebus, espero em) e ve se voce inclui a linha 14 onix nessa foto em.

    Paulo Neves / Responder
  13. Que bom se isso se concretizar a estação deixara de ser quase inutilizada pq ninguem sobe e ninguem desce.

    Gabriel Gomes / Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*